Resenha #47: Crônicas de Morrighan: A origem do amor de Mary E. Pearson




FICHA TÉCNICA

Autora: Mary E. Pearson
Título: Crônicas de Morrighan - A origem do amor
Nº de páginas: 120
Editora: DarkSide Books
Gênero: Fantasia / Literatura Americana




Descubra a origem de um sentimento que se tornou a força para erguer um novo reino.

SINOPSE 


"Quando o primeiro volume das Crônicas de Amor & Ódio chegou ao Brasil, os leitores souberam na hora que era amor à primeira vista. A jornada de Lia — repleta de aventura, fantasia, poder e romance — fez com que os darklovers se entregassem de corpo e alma a um universo deslumbrante criado pela premiada escritora Mary E. Pearson. 


Mas antes que fronteiras tivessem sido traçadas, antes que tratados fossem assinados e batalhas fossem travadas novamente, antes que os grandes reinos dos Remanescentes tivessem até mesmo nascido, uma menina chamada Morrighan e sua família lutavam para sobreviver em meio à guerra. 

Se você ainda não conhece a trilogia das Crônicas de Amor & Ódio, este prelúdio é um primeiro beijo inesquecível; mas se você já entregou seu coração, Crônicas de Morrighan é um mergulho ainda mais profundo no universo criado com tanto carinho e inspiração por Mary E. Pearson. "




CRÍTICA

Crônicas de Morrighan é um conto que surgiu dentro do universo criado pela autora. Quem já leu a trilogia ou ao menos o primeiro livro sabe o quão misterioso e apaixonante é esse mundo. E esse livrinho pequeno mas cheio de beleza vai nos contar a origem do reino onde Lia vive séculos depois. E onde todos pensavam que a dor e o ódio foi a semente do surgimento do Reino de Morrighan, foi o verdadeiro e puro amor que deu base para a fundação do mais antigo dos Reinos.




Morrighan é uma menina doce, curiosa e vê a beleza em tudo o que a cerca, mesmo estando em meio à guerra. Ela e sua tribo comandada por Gaudrel, sua avó, precisam ter no nomadismo a sua forma de sobrevivência, pois há um mundo cruel os rodeando, e se não bastasse a escassez de alimento são os próprios seres humanos a maior ameaça. Quando os abutres surgem levam tudo consigo, muitas vezes até a vida dos integrantes dos clãs.

Existem duas espécies que sobrevivem: aqueles que perseveram e aqueles que são predadores.

Um dia, quando Morrighan tinha  8 anos de idade, encontra um menino magricelo, pálido, com olhos assustados e fazendo cara feia, aparentava ser poucos anos mais velho que ela. Ela o ensinou a coletar alimentos e ele partiu, sem ao menos dizer quem era e para onde ia.




Mas anos depois o destino os une novamente. Jafir de Aldrid está mudado, seu corpo está mais forte, os cabelos mais compridos, mas os olhos assustados e bondosos continuam lá.

Meus dias eram medidos não em horas, mas sim pelos pontinhos de cor que dançavam nos olhos dele enquanto ele olhava nos meus, pelo sol em nossas mãos dadas, nossos ombros se tocando enquanto líamos.

E dia após dia, Morrighan vai lhe ensinando a ler, vai contar histórias que sua ama lhe conta e lhe dá esperanças de um mundo melhor. Jafir ensina Morrighan a apreciar a liberdade, cavalgando, explorando novas paisagens e toda essa aventura é secreta, um amor inocente e verdadeiro que surge entre uma alma poderosa e predestinada a grandes feitos e um abutre.



Mas não existem grandes conquistas sem grandes perdas e é a partir das escolhas dos dois que o destino de todos será traçado.
Afinal, Morrighan foi mesmo roubada por um abutre ou ela escolheu guiar seu povo até a terra prometida pelos Deuses? Será que esse amor uniria os dois para sempre? E que eles enfrentariam para viver esse amor?



VEREDITO

Crônicas de Morrighan é um livro delicado, sutil e ao mesmo tempo poderoso. Vai nos mostrar que a história pode ser facilmente esquecida se não a registrarmos e se não passarmos adiante. Nos mostra também, que grandes mulheres vieram antes de nós e fizeram inúmeros sacrifícios para que pudéssemos viver como vivemos hoje.
Eu super recomendo! É aquele livro para ler e suspirar e acreditar que o amor é a base mais forte e que pode construir um reino inteiro se assim o quisermos.


NOTA: 4,5/5 

2 comentários:

  1. Olá Mi!
    Nem preciso dizer a grande expectativa que tenho com esse livro! Já conhecendo a escrita da autora, espero algo impactante!!! Lindas fotos! Parabéns, beijo...

    www.blogleituravirtual.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai adorar a leitura, embora rápida, vale super a pena!

      Excluir

por Milene Farias desde 2016. Tecnologia do Blogger.