[RESENHA] #72: Quatro Vidas de Um Cachorro de W. Bruce Cameron

FICHA TÉCNICA

Autor: W. Bruce Cameron
Título: Quatro Vidas de Um Cachorro
Ano de Publicação: 2016
Edição: 1ª
Editora: Harper Collins Brasil
Nº páginas: 284
Gênero: Romance Americano





SINOPSE


"Esta é a inesquecível história de um cão que — após renascer várias vezes — imagina que haja uma razão para seu retorno, um propósito a cumprir, e que, enquanto não o alcançar, continuará renascendo. Narrado pelo próprio animal, Quatro vidas de um cachorro aborda a questão mais básica da vida: Por que estamos aqui?

Emocionante e com boas doses de humor, Quatro vidas de um cachorro é um livro para todas as idades, que mostra o olhar de um cão sobre o relacionamento entre as pessoas e os laços eternos entre os seres humanos e seus animais. "



"A tarefa de um bom cachorro é, basicamente, lhes fazer companhia, ficando ao seu lado independente do caminho que a vida tome. Tudo que me cabia agora era lhe dar conforto." 

CRÍTICA

"Os cachorros já nascem sabendo amar". Já ouviu essa frase alguma vez na sua vida? Pois é. Esse pequeno e singelo livro vai te fazer chorar do início ao fim! Encontraremos nele alegria, tristeza, dor da perda, reencontros e principalmente o foco na pergunta: qual é a nossa missão de vida?

Nosso personagem principal é um cachorro e a história vai sendo contada todinha pelo ponto de vista dele. Isso que faz ela ficar mais sensível ainda, pois percebemos a inocência de um ser que é puro e que descobre sua missão aqui na Terra. E isso vai ser confirmado mesmo lá na última e derradeira página do livro.



Ele nasce, provavelmente um SRD (sem raça definida) mora na rua com seus irmãos e sua mãe até que é levado a um abrigo de cães. E a cada nova vida (sim ele vai morrendo e renascendo, mesma alma num corpo de cachorro diferente, mantendo suas lembranças dos seus humanos da vida passada) Depois ele nasce como Bailey, um Golden Retriever (como esse da capa) e que passa a vida todinha dele ao lado do seu menino, o Ethan.  E é nesse personagem que o cachorrinho tem todo o seu amor e procura, vida após vida, reencontrar o seu menino, percebendo que ele está renascendo com um motivo: ficar ao lado de Ethan.

Por váaarios momentos tive que parar a leitura porque não conseguia parar de chorar. Aí pra piorar, meu cachorro vinha tentar me consolar, exatamente da forma que o Tobby-Bailey-Ellie-Amigão descrevia.

Não é um livro que causa apenas tristeza, você chora de alegria por várias passagens da história. 
Cachorros realmente deveriam ser eternos!

PONTOS FORTES:

*  Personagem maravilhoso, vivido pelo próprio cachorro;
*  Tema muito bem desenvolvido;
*  Enredo feito de acordo com cada passagem da história e com total sentido;
* A sabedoria e amor incondicional mostrada pelo personagem faz dele um dos melhores narradores!
* Compreensão do comportamento dos cachorros de uma forma natural, divertida e inocente.
* Narrativa leve, envolvente e simples de ler (menos quando você está chorando muito e não consegue mais enxergar as frases)

PONTOS FRACOS:

* Ele destrói seu coração no final de cada tomo das histórias das vidas dele;
* Ele te dá uma ressaca literária fortíssima


VEREDITO

Sensível, arrebatador que fala sobre a forma mais pura e linda do amor e nos questiona sobre nosso propósito no mundo. Para quê, exatamente, você nasceu?

Os cachorros sentem tudo o que sentimos, nos amam acima de tudo, querem nos agradar a todo instante. É um livro que vai emocionar qualquer pessoa que se aventurar por ele. E do ponto de vista de um cachorro (em todas as suas quatro vidas) vamos ter a noção dos seus sentimentos, dores, medos e pensamentos. E você passa a entender melhor o seu próprio cãozinho (se você tiver). É realmente um livro que toca fundo na alma e nos faz acreditar que o amor nasce com os cães e eles nos ensinam a amar durante nossa confusa vida, muitas vezes, nos direcionado para o nosso propósito maior.

CLASSIFICAÇÃO DA MI

COMPRE NA AMAZON: Quatro Vidas de Um Cachorro

6 comentários:

  1. Adorei. Não sou apaixonada por cachorros, mas quando se fala em animais no geral eu já começo a chorar kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É de chorar mesmo, Vi! hehehe História linda demais!

      Excluir
  2. Livro lindo de maravilhoso. A resenha tá ótima, Mi. Amei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um amorzinho de livro, mesmo! Muito obrigada! <3

      Excluir

por Milene Farias desde 2016. Tecnologia do Blogger.